Assédio sexual não é cantada! E pode ser punido!

Assédio sexual não é cantada! E pode ser punido! E está muito longe de ser paquera ou um elogio.

A bem da verdade, é uma manifestação bastante ofensiva independente para quem é dirigida e pode sim, ser configurada como crime. O assédio sexual pode vir de uma atitude verbal ou física, com ou sem testemunhas, ocorrer em qualquer local, como ônibus, na rua, sala de aula, trabalho, consultas médicas, baladas, em ambiente familiar.

Pode haver assédio de mulheres contra homens, homens contra homens, mulheres contra mulheres, porém grande parte dos casos ocorre entre um homem contra uma mulher. Infelizmente, é muito comum observar mulheres recebendo “cantadas e elogios” de forma rude e ofensiva. E isso porque grande parcela do gênero masculino desrespeita as mulheres por considera-las fracas, incapazes de realizações iguais a eles. Muitas vítimas ficam inibidas e deixam de buscar uma punição, por temer a retaliação por parte do agressor. Mas essa forma de agressão deve ser coibida e denunciada.

Para tanto, seguem algumas orientações:

1. Registro de Boletim de Ocorrência: pode ser feito presencial na Delegacia, Delegacia especializada da Mulher ou delegacia online https://delegaciavirtual.sc.gov.br/inicio.aspx e https://www.pm.sc.gov.br/denuncia

2. Canais de denúncia: 180 – Governo Federal; 181 – Polícia Civil de Santa Catarina; (48) 98844 0011 WhatsApp da Polícia Civil de Santa Catarina; 0800 481717 – Policia Militar de Santa Catarina.

Recentemente, houve um movimento no Twitter, com a tag #ExposedFloripa através do qual dezenas de adolescentes denunciaram casos de violência sexual que sofreram, e este movimento foi ganhando bastante força pela divulgação e adesão. Porém, é importante ressaltar que as vítimas devem fazer a denúncia aos órgãos de polícia, pois a exposição na internet não vai punir o agressor. Busque e faça justiça, mas de forma correta e efetiva.

Entre em contato para qualquer dúvida.

Equipe Heloisa S. Amante

Digite para postar: captcha